quinta-feira, 27 de fevereiro de 2014

PACO


Morreu ontem o génio da guitarra flamenca, Paco de Lucía.
À maioria o nome nada diz e os que sabem quem é talvez não entendam a sua importância profunda para os andaluzes e para os espanhóis em geral. O flamenco é sem dúvida o maior símbolo da Andaluzia e das poucas coisas que reúne um consenso generalizado entre os espanhóis.

Esta notícia traz-me algumas lembranças nostálgicas, porque tive o prazer de o ver actuar várias vezes, mas sobretudo porque depois de ter vivido em Cádiz, a província da terra natal de Paco de Lucía, também eu me tornei um bocadinho andaluz.



Sem comentários:

Enviar um comentário

Falem com o Jibóia, falem...